Kaid

Filiação: GIGR

Kaid

Arsenal

AUG A3

AUG A3

Submetralhadora

Primária
.44 MAG SEMI-AUTO

.44 MAG SEMI-AUTO

Arma Curta

Secundária
TCSG12

TCSG12

Espingarda

Primária
LFP586

LFP586

Arma Curta

Secundária
C4

C4

Explosivo C4 de detonação remota.

Especialização
Arame Farpado

Arame Farpado

Arame farpado que retarda os atacantes.

Especialização

Habilidades

Electroclaw "Rtila"

A “Rtila” Electroclaw de Kaid pode eletrificar paredes reforçadas e alçapões, arame farpado e escudos ajustáveis, dificultando para o inimigo invadir o Kasbah e qualquer instalação que o Agente precise proteger. Ele entra em campo com dois desses dispositivos de arremesso. Assim que aderirem a uma superfície, cada um dos dispositivos pode eletrificar objetos metálicos dentro de um raio de 0,75 m.

Biografia

Bandeira de Marrocos
Bandeira de Marrocos
Nome: Jalal El Fassi
Data de Nascimento: Jalal El Fassi
Local de Nascimento: Aroumd
Altura: 1,77 cm
Peso: 78 kg

“Lidere dando o exemplo e moverá montanhas.”

Jalal El Fassi era exaltado nas histórias da Fortaleza, a lendária instalação de treinamentos na Cordilheira do Atlas. A reputação incomparável desse lugar, junto com a de seus “kaids” (comandantes), caem sobre El Fassi.

Juntou-se à GIGR (Groupe d’Intervention de La Gendarmerie Royale) aos 18 anos, demonstrando aptidões naturais de liderança sob pressão. Sua capacidade de comandar esquadrões especializados de forma eficaz em operações conjuntas com a TSCTP (Trans-Saharan Counterterrorism Partnership) lhe renderam a promoção para capitão. Após anos de serviço, o então comandante em ofício da Fortaleza escolheu seu sucessor: El Fassi, pois seu estilo autoritário, porém ético, o fez merecedor do título “kaid”.

Sua presença imponente e seus valores austeros o levaram a obter sucesso com seus aprendizes, o que rapidamente gerou honrarias para a Fortaleza. Ele continuou provando sua excelência por meio de milhares de soldados que treinavam ou ensinavam com seus métodos. Depois de anos de negociação, ele recebeu tropas da África e do Oriente Médio, promovendo fortes ligações entre membros da TSCTP e países da ASF (African Standby Force).

Laudo Psicológico

O especialista Jalal “kaid” El Fassi é um agente imponente. Sua aparência por si só já impõe respeito — é fácil notar que sua estatura e sua atitude amedrontam os seus alunos. Ou como sua linguagem corporal demanda respeito e cooperação sem dizer uma palavra sequer. Sinceramente, isso tudo assusta e fascina ao mesmo tempo. […]

O especialista El Fassi descende de uma extensa linhagem de comandantes da Fortaleza. No entanto, a Fortaleza estava em descrédito há algum tempo, pois alguns negócios envolvendo propinas de famílias ricas vieram à tona antes do comando de El Fassi. Aparentemente, sua administração não só eliminou essas relações problemáticas como também elevou a Fortaleza a níveis nunca imaginados por seus antecessores. […]

Chega a ser difícil separar o especialista El Fassi da sua função. Ele sacrificou a vida pessoal pelo sucesso da sua Fortaleza, além do fato de que sua função dificulta a formação de laços interpessoais. Acho que ele prefere ficar sozinho. Claramente, não faz o tipo que se abre com os outros, mas acho que sei o porquê. Ele assumiu o desafio de liderar e assegurar o futuro das Forças Armadas do Marrocos e possivelmente de todo o Norte Africano. Ele é o porto seguro que todos procuram, por isso os ombros do especialista El Fassi aceitam o peso desse fardo com tranquilidade, pois ele crê que ninguém seria capaz de substituí-lo. […]

O especialista El Fassi é particularmente fleumático; e sua dedicação à sua função de comandante e à Fortaleza é resoluta. A Rainbow passou anos tentando persuadi-lo a se juntar ao grupo, mas ele não cede facilmente. A Fortaleza e seu legado estavam enraizados nele desde pequeno. Em sua casa, seu castelo… posso imaginar que o tempo que ele passa sozinho é inestimável. Mas finalmente conseguimos chegar a um acordo que nem mesmo o grande kaid recusaria… Um que geraria benefícios à sua escola e projetaria sua imagem internacionalmente. Pela primeira vez em muitos anos, El Fassi vai trabalhar no mesmo nível dos outros. Apenas o tempo pode mostrar como ele vai reagir fora da sua posição de autoridade. […]